quinta-feira, 10 de abril de 2014

2 Crônicas 20 - A guerra ( e vitória ) de Josafá

Um dos episódios mais misteriosos e miraculosos da Bíblia ocorre durante o reinado de Josafá, de Judá. Este reinou por 25 anos, e fez o que era reto aos olhos do Senhor. Deus já havia ao rei grande livramento em Ramote - Gileade ( 2 Cr 18). 

Porém, agora Josafá se via novamente em apuros. Eis que uma grande multidão, composta por moabitas, amonitas e maonitas, vinha a Judá para fazer guerra contra o rei. Diz o versículo 3 que Josafá se prontifica a buscar a Deus. Note que ele tomou a atitude certa: foi recorrer a quem com certeza poderia lhe dar uma resposta! 

Josafá apregoa um jejum a todo o povo. Veja a vontade do rei e seu objetivo maior em saber o que Deus tinha a lhe dizer sobre aquela situação. E ele se preocupou que TODOS se unissem por uma mesma meta: ouvir a voz do Todo Poderoso. Assim é necessário estarmos nós, IGREJA DE CRISTO, conectados, unidos num só amor, numa só força para OUVIR a Deus e FAZER SUA VONTADE aqui na Terra.

Josafá ora ao Senhor diante de todo povo. E não pense que o rei de Judá já se apressa a pedir, pedir e pedir mais. Josafá mais enaltece a Deus do que pede livramento (v. 6-12). Nós precisamos aprender a ORAR!  Oração é antes de tudo uma ADORAÇÃO, não simplesmente uma LISTA DE PEDIDOS.

Todo o Judá estava atento às palavras de Josafá, e em pé, ou seja, a postos, de prontidão (v.13). Nós devemos nos dispor, estar em pé diante das dificuldades, para que Deus venha agir sobre nossa causa.

E como o Senhor jamais desampara os Seus, Ele usa Jaaziel para falar ao povo. Através dele, Deus diz que a peleja não era de Judá, mas dEle mesmo. E mais: eles não precisariam pelejar. Imagine a gratidão do rei e de todo o povo, e que mistério era esse em que o pequeno Judá não precisaria se defender de seus inimigos.

Para selar o mistério tremendo desse episódio, foi designado que os cantores fossem adiante do exército, louvando o nome do Senhor. Percebemos logo que a arma do povo de Deus foi a ADORAÇÃO. Essa arma é poderosa. Não eram necessários espadas, escudos ou qualquer recurso físico, porque afinal Judá não era páreo para aquele povo que vinha contra ele. Mas havia UM que estava com Judá que era e é MAIOR QUE TUDO.

A Bíblia diz que enquanto o povo louvava, Deus armou emboscada contra os inimigos. Eles mataram uns aos outros, e Judá foi vitorioso (v.22, 23). Quando Deus quer dar vitória, não há quem impeça. Não importa se os recursos são escassos. O Senhor é especialista nas causas IMPOSSÍVEIS. Do possível NÓS damos conta.

A lição principal aqui é reconhecer que DEUS está no controle de tudo e de todos. Não importa o tamanho do seu problema, Ele é maior. Recorra a Ele, e você verá a providência infalível do Senhor sobre a sua vida.